h1

Sobre a falta de lógica na contratação de técnicos de futebol

20/02/2010

Antes de começar a discutir futebol, vamos deixar claro que eu não torço pra nenhum time. Meus conhecimentos de futebol são quase nulos: o pouco que tenho vem de uma época em que acompanhava uma certa pessoa quando ia ao Morumbi. Assim, tenho uma simpatia pelos jogadores da época (2005): eram os mais bonitos de todos os times brasileiros: Lugano, Ceni, Kaka, Cicinho… Eles não são modelos, mas perto dos jogadores dos outros times são um colírio: pense apenas no Ronaldinho Gaúcho e você entenderá porque futebol é menos popular com as mulheres que com os homens! 😉 . De lá pra cá, acompanho uma ou outra notícia no jornal, pergunto pra um ou outro amigo fanático. Não sei nada sobre escalação de time, mas fui formando minhas teorias sobre a contratação dos técnicos. A primeira é de que não há lógica na contratação de técnicos: certas pessoas não passariam em uma entrevista banal.

Vamos tomar o caso do Muricy, que acabou de “ser saído” do Palmeiras 10 meses antes de acabar o contrato, logo depois de uma goleada do São Caetano (depois de tomar). Ele foi demitido do São Paulo em junho de 2009, segundo o diretor do São Paulo na época (João Paulo), por “não entregar resultados” (lei-se Libertadores). Perguntei para um Palmeirense: poxa, se o cara não está dando resultado, por que o Palmeiras contratou? Segue-se a resposta “é porque às vezes há um desgaste entre o time e o técnico”, tese apoiada por essa matéria da época: a reformulação do São Paulo foi só a saida da Comissão Técnica, ponto (http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Sao_Paulo/0,,MUL1201360-9875,00-DIRETOR+DIZ+QUE+RESULTADOS+SELARAM+SAIDA+DE+MURICY+RAMALHO+DO+COMANDO+DO+TR.html

Só para contextualizar um pouco, eu me lembro que na época o Ronaldo havia acabado de voltar para o Brasil, acirrando a disputa entre os times paulistas, inclusive provocando uma vitória de 2×0 do Corínthians contra o São Paulo em abril do mesmo ano, ou seja,  4 meses antes da demissão no Campeonato Paulista.

Imagine a seguinte entrevista de emprego:

Entrevistador: _Vejo aqui que você tem um bom currículo, conquista de três campeonatos brasileiros nod últimos anos, mas por que você foi demitido?

Candidato: _Ahn, a minha empresa passou por uma reestruturação.

Entrevistador: _Entendo, mas vejo que  apenas você e seu secretário saiu da empresa, toda a sua equipe permaneceu. Como você justifica isso?

Candidato a técnico: _Ah! É que eu já tinha três anos de casa, e me desgastei com a minha equipe;

Entrevistador: Então quer dizer que você é uma pessoa de difícil relacionamento? O mesmo irá acontecer se eu lhe contratar na minha empresa?

Candidato: Não, isso não vai acontecer porque ainda não tive desgaste com a minha futura equipe. 

Entrevistador: _Observei que uma das empresas concorrentes diretas suas  contratou profissionais de peso, e desde então vocês perderam mercado. O que você fez quando se viu nessa situação;

Candidato: _Eu seguí a seguinte lógica: priorizei defender a posição que tinha conquistado…

Entrevistador: _Mas a diretoria queria que você focasse em outro mercado na época, né?

Candidato: _Exatamente.

Entrevistador: Então você não se adapta, não se arrisca quando começa a perder mercado, não entrega resultados que a diretoria pede, além de ser uma pessoa difícil de lidar..

Candidato: _ Mas…

Entrevistador: _Perfeito para a vaga! Está contratado!

O fim da história todo mundo sabe. Muricy tomou uma goleada do São Caetano (depois de 704 dias sem tomar uma) com seis meses de Palmeiras e foi “substituído” pelo técnico desse mesmo time. É nessas horas que eu vejo como é importante ter um departamento de RH que possa fazer uma entrevista dessas!

 São coisas do futebol…

Anúncios

2 comentários

  1. concordo em genero numero e gral


    • Ainda bem que o Muricy não aceitou ser técnico da seleção brasileira, né! O bizarro foi ele ter sido chamado depois desse histórico.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: